O Dia que enfrentei um Aba Reta (Pt #2)

Assim como o outro post, não tenho muito tempo para escrever esse, portanto caso ele esteja muito corrido ou muito mal editado, desculpem-me. Ontem não postei link time devido à falta de tempo, mas espero lançar um podcast #2 logo nesse fim de semana, talvez com a Bella comentando também, ainda veremos o que fazer, até lá fiquem ligados no blog.

O dia que eu enfrentei o Aba, era uma segunda-feira. Eu ODEIO segundas, tipo, do fundo do meu coração. Preferia ter aula todo sábado e não ter segunda do que realmente tê-las. Se você compreende meu ódio, então vai me dar mais razão ainda ao ler este post, que começa AQUI.

Como está logo abaixo a parte #1 desse post, não vou linká-lo aqui, pare de ser preguiçoso e aproveite e leia outros posts pelo blog. Mas continuando, era uma segunda-feira. Estava desesperadamente tentando falar com a minha mãe para pegar a conta dela e meu pai poder depositar o dinheiro do Baixo Elétrico comprado no cartão dela mas ele que ia pagar.

Saio do serviço normalmente 18:00, 17:50, por aí, mas nesse dia acabei saindo 18:50 porque minha mãe tinha saído e não tinha levado o celular. Ligava freneticamente pra ela, sentia minha cabeça fervendo de febre enquanto sentia meu sangue ferver de raiva porque já haviam passado quase uma hora e eu estava ali, fazendo hora extra, e o pior, de graça. Já dizia minha avó, quem trabalha pra família pede esmola pra 2. Errada ela não está, descobri isso nesse dia.

Não, não é minha vó, mas podia ser HUAHUAHU

Pois bem, após a batalha para falar com a minha mãe arrastei-me até o ponto de ônibus. É cerca de meio quarteirão da porta do prédio onde trabalho até o ponto em si, mas como eu estava doente eu sentia como se estivesse atravessando a terra média em direção à Mordor. No caralho de frio que eu tava, a minha vontade era realmente me jogar dentro do Orodruin, o vulcão de Mordor para os não Tolkienianos. Febre é uma treta muito louca cara, tu fica quente mas sente frio, te fazendo ficar mais quente, até morrer. Tensíssimo.

Pois bem, quando cheguei no ponto de ônibus arrastando no chão e morrendo de frio, esperei cerca de dez minutos até a chegada do ônibus. Pra esperar eu até não tenho problema, peguei meu livro e me abundei no ponto de ônibus, onde tem aquele espaço pra sentar e tal. A luz de propagandas estava apagada, forçando-me a ficar longe dela, no alcançe das fortes rajadas de vento, fazendo-me desistir do meu livro, guardei-o novamente e resolvi ouvir música.

Juro pra vocês que eu tinha olhado a bateria e estava bem próxima de cheia, cerca de 2 pontos abaixo de completa. Dei play em, sei lá, qualquer album do Cachorro Grande, acho que era o Cinema e a bateria durou OITO minutos. Sei exatamente o tempo porque como estava puto e com febre, não via a hora de chegar em casa, portanto não tirava meus olhos do relógio. Quando já estava completamente nervoso vejo uma luz de salvação virando a rua, 9501, São Lucas.

Enquanto o ônibus vinha em minha direção, separei meus trocados e me preparei para adentrar o inferno. Como moro relativamente perto de uma favela, TODOS os Guettos entram naquela merda de ônibus e ficam na parte da frente, antes da roleta, pra não pagar a passagem pra poder comprar suas pedras de crack e loló. O maldito governo dá dinheiro pra esses merdas andarem de ônibus, só que não vigia se os filhos da puta realmente usam o dinheiro pra ônibus ou usam pra drogas, puta lixo de fiscalização.

Pois bem, subo as escadas, desvio de uns quatro malacos fedendo a cecê, é impressionante como todo malaco fede NATURALMENTE a cecê. Deve ser habilidade racial. Mas daí eu entrei, desviei dos jovens de classe baixa fedidos, rodei a roleta e não tinha UMA cadeira vazia, mas tinha alguns espaços pra ficar em pé e tal. No ponto seguinte ao que eu subi, entra um cara não muito diferente do Kanye West, com cara de retardado e um boné jogado por cima da cabeça, bem estilo de nego retardado mesmo.

Lembrando que não foi citado acima que o meliante adentrou o ônibus pela porta dos fundos, na surdina. Como tenho mania de observar à todas as pessoas no ônibus sempre, dei uma olhada no pivete. Camisa do chicago bulls 3x maior que ele, um aba reta new york roubado ou da oiapoque, um cigarro free na orelha e um tênis vagabundo, enquanto ele ficasse longe de mim, estava ótimo. Mas é claro, Deus estava contra mim nesse dia e fez o meliante se aproximar de mim.

O mesmo retirou um V3 do bolso, pensei “lá vem bosta”, colocou fones de ouvido e com isso relaxei. Desviei meu olhar dele por uns 3 segundos, quando eu ouço um Funk do Titanic. Imaginei que ele estava com problemas ao ligar o fone, talvez tivesse acabado de roubar o celular e não compreendia seu funcionamento, mas quando já havia ouvido pela quarta vez “Titanic Titanic” já estava exalando raiva pela orelha, e me virei ao meliante.


Foda-se se o caralho que você quiser ouvir, EU não quero, então se você pudesse desligar isso ficaria feliz

Ti colé mermão, tá me tirano?

Nisso eu me borrei, na verdade me borrei do momento que abri a boca até o momento que cheguei em casa, juro que ainda acho que quando eu ver ele na rua ele vai sacar uma arma e me dar um tiro no rim. Mas após a frase do mesmo, disse:


Não cara, só quero chegar em casa sem merda de música nenhuma na minha cabeça. Pedi com educação, se não puder fazer eu vou ter que ser mais sem educação.


…………………………………………………… belés

Depois desse beléss ele fez o favor de desligar a merda do som dele e eu fui aclamado dentro do ônibus. Ok, não fui, mas eu gostaria de ter sido, fiz o que ninguém teve bolas pra fazer. Depois do acontecido cheguei em casa e tive 40° de febre, motivando-me a não postar na semana passada e ir dormir. É um mundo muito louco, bjs.

Anúncios

18 pensamentos sobre “O Dia que enfrentei um Aba Reta (Pt #2)

  1. Aí maluko esse cara aí é vacilão vcxingou os aba reta aprende a respeita os mano maluko, axa que a gente ñ tem coragem de mata ñ se fosse comigo eu te dava um tiro no saco….A e eu sou MULHER vioo mina pros chegadu!!!!!!!!E um aviso cuidado vida loka mata!

  2. a eu acho q naum so pq uma pessoa usa uma camisa do chicago bulls 3x maior q a pessoa um boné de aba reta tem q ser um ladrão eu acho q pudia ser uma pessoa normal com um gosto diferente como diz um ditado “gosto é igual cu tudo mundo tem o seu” intaum eu acho q deveria respeitar mais as pessoas

  3. shoreei de rir cara “colé mermão, tá me tirano”
    verdade aba-reta é foda . sinto mto mais nãao suporto cara ><

  4. Como a denise falou nada ave porq usa aba reta seja ladrao talvez pela tatoo que tah famosa porq todos que saem da prisao tem tatooo e dificil ver um mais a regata e o boné nada a ver imagine se o kra olhasse pra vc e falasse o seu tenis e de pobre e tudo a e pra começa os dois tavao em onibus ninguen é mais que ninguem em !!!

  5. CARA, fodam -se esse cara que acham que ser ” Vida Loka ” é legal
    puta merda, são os lixos da sociedades, não me envergonho do meu país,
    me envergonho das pessoas que habitam nele. eu sou meio psicopata, e tneho um put** odio desse preto sem vergonha pé de xinelo.
    espero que todos morram (enclusive mulher) como essa outra ai que acha bonito. Reclusão? vão pra puta que paril seus preto do caralho, trabalha vcs não gostam né?
    lembro que aos meus 15 anos eu trabalha de segunda a sexta. eu ia pra aula todo dia, comprei um bonézinho(não era boné de malaco não) com meu dinheiro suado e 2 nego fdp roubaram.
    puta que raiva. (meu odio mortal por malacos não é por esse dia citado).

  6. Por favor, reunam todos os aba retas, fecham um círculo com concreto e encham de água. É um favor a sociedade…

  7. Para os sabichoes que vivem criticando os aba retas ou seilá oque manos e bla bla bla, afirmo aqui que o unico besta e retardado, burro e derbe mental, é vc, por sua falta de cultura, espiritualidade e conhecimento, é menos informado do que eles, se vc fosse tão esperto e sabe tudo, estaria mandando a porra dos politicos e governos a puta que pariu, poderia estar perdendo seu tempo em abrir a mente das pessoas, e mostrando a elas que todos nós somos iguais, temos direitos iguais, e chega de escravidão, somos livres, mais não, vc e mais um merdas que se achão sabe tudo, estão enchendo a net com lixo, leia seu tópico do começo a ao fim, qual a graça de ficar falando da sua merda de vida? enqanto vc ta ae falando mau do mano, ou da puta da esquina, o qual todos são frutos da nossa politica, vc ta ae perdendo seu tempo que no caso nao é precioso, em quanto o governo come vc e mais milhoes pelas pernas, com taxas de impostos altos, desvio de dinheiro e bla bla bla, depois de vc falar tanta besteira resolve dormir, depois acorda as 5 ou 4 da manhã pra pegar um busão lotado e imaginar mais uma vez, que merda de onibus lotado, grande exemplo, parabéns a vc e mais algums que estão ao seu favor, há antes que me esqueça, nosso mundo precisa de pessoas positivas e não lixo como vc

  8. quem fala mau de aba reta pk é um pela saco fika só falando merda qe aba reta é sei la oq aba reta é pra qem qer usa!
    falou…então só pk não gosta de usa aba reta não venhe enche o saco falando merda !
    pk qem usa aba reta não fika falando de qen não fala !
    então pegue sua mão e en soque na quele canto antes de tc merda
    ?????

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s